domingo, 17 de outubro de 2010

Sorte e Bem-Viver se faz com o Aprender



Nos rumos e na Sorte

Muita gente pensa que a sorte acerta qualquer um, mas uma coisa é certa: ela não é um flecheiro cego. É certeira; por mais que olhemos e digamos: “Caramba! Podia ser pra mim” ...
A sorte tem a ver com as freqüências da Vida ... quando você não atentou pro cisco de intuição que ela aponta, outro deu o passo pra aquele fio que vibra num momento preciso de atenção, e táá !!! ... é aquele bilhete, é aquela seqüência premiada, é a garota, é aquele reconhecimento no emprego, aquela resposta que parecia errada na prova ...
E se tem uma coisa que está perto da sorte é o número-primo.
Nos rumos da nossa história, nos descobrimentos e em fenômenos intrigantes lá estão eles ... por isso muitos sortudos têm pelo menos um deles como escolha e estima: dos nossos 19 anos de idade (Ah! Quem não queria tê-los por bons anos) aos 41 da uva madura luzindo ... Quantos ventos bons dão-nos dicas com os números-primos ...

Boa Sorte a todos os leitores deste blog e aos que adquirirem o e-book Número-Primo--Arte & Natureza.

Fica a imagem (acima) ilustrativa como brinde entre vocês ( pela visita ) e nós, que esmeramos pra fazer este ambiente agradável.

Obs: este texto-post é uma página do compêndio Número-Primo--Arte & Natureza, ele mostra um diálogo do autor com as turmas que estudam.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Caprichem:

Seguidores